Fungicida entrega excelência no controle de oídio e ferrugem, conforme atestam pesquisas no Sul

Estudos recentes realizados em lavouras do Paraná e Rio Grande do Sul também mostraram desempenho superior da tecnologia no controle dessas doenças, frente a mais de dez ingredientes ativos comparados

Com a safra de trigo em andamento no Brasil, a equipe técnica da Sipcam Nichino avalia como altamente eficaz uma estratégia de controle das doenças oídio e ferrugem recomendada pela empresa. Pesquisadores apontam o oídio, a doença causada pelo fungo Blumeria graminis, entre as de maior risco às lavouras de trigo, com potencial para ocasionar perdas de rendimento que podem chegar a 60% da produção. Segundo a empresa, diversas cultivares do País são hoje suscetíveis à doença.

Já a ferrugem-da-folha (Puccinia triticina), possivelmente a mais conhecida doença da triticultura, pode comprometer cerca de 50% de uma lavoura.

“Nesta época do ano, o triticultor deve se dedicar ao monitoramento de áreas cultivadas, sobretudo frente a condições climáticas favoráveis ao aparecimento de doenças”, recomenda José de Freitas, engenheiro agrônomo da área de desenvolvimento de mercado da Sipcam Nichino. “É determinante ao controle efetivo das duas doenças aplicar fungicidas preventivamente ou diante dos primeiros sintomas, principalmente ante o oídio, doença de rápida evolução.”

Para mais detalhes, acesse o link: https://www.sucessonocampo.com.br/fungicida-entrega-excelencia-no-controle-de-oidio-e-ferrugem-conforme-atestam-pesquisas-no-sul-do-pais/

Posts recentes

Ver tudo