Fungicida multissítio da Sipcam Nichino está entre os mais eficazes para contra a ferrugem asiática

Atualizado: 20 de Out de 2021

Solução da companhia de origem ítalo-japonesa mostra desempenho superior e aparece na ponta entre os mais bem-avaliados nos ensaios


Empregado em estratégias de controle da ferrugem da soja e no manejo de resistência ao fungo causador da doença (Phakopsora pachirhizi), o fungicida Echo®, da Sipcam Nichino Brasil, aparece na ponta entre os produtos de sua categoria mais bem-avaliados nos Ensaios de Rede da safra 2020-21. Na primeira vez em que foi integrado ao estudo, o fungicida da companhia ítalo-japonesa superou o desempenho de outros onze produtos avaliados.

Formulado à base de clorotalonil, Echo® apresentou 62% de controle da doença, frente a uma severidade de 62,8% ocorrida na testemunha, segundo informa a companhia. De acordo com a Sipcam Nichino, entre 12 fungicidas multissítios testados nos ensaios da safra, Echo® teve resultado superior ao de dez produtos.

Para a execução dos ensaios, foram estabelecidos 15 locais de pesquisas, considerando de três a quatro aplicações de fungicidas, em intervalos de 14 dias. Conforme o engenheiro agrônomo Sérgio Camargo, da área de desenvolvimento de mercado da Sipcam Nichino Brasil, a produtividade média entregue pelo fungicida Echo® atingiu 53,2 sacas por hectare, ou 11,1 sacas por hectare a mais do que a testemunha. O produto superou em 2,14 sacas por hectare a média dos outros 10 tratamentos, segundo enfatiza Camargo.

Conforme o agrônomo, o fungicida Echo® é descrito como um produto de contato com ação protetora, indicado no controle preventivo de doenças em diferentes culturas. Na soja, Echo® é recomendado ainda no manejo das doenças míldio (Peronospora manchurica) e septoriose (septoria glycines).

“Trata-se de uma solução altamente eficaz ao manejo de resistência de fungicidas. Esta prática se mostra cada vez mais necessária, diante da perda de eficiência de determinadas moléculas no controle da doença”, complementa Camargo.

O aumento da resistência do fungo da ferrugem da soja aos produtos chamados sistêmicos, por sinal, tem impulsionado o mercado de fungicidas multissítios. Dados da consultoria Spark Inteligência Estratégica apontam que esses insumos movimentaram R$ 2,1 bilhões no País na safra 2020-21, desempenho 23% acima do período 2019-20. Segundo a Spark, entre as safras 18-19 e 19-20 os protetores já haviam avançado 46% em vendas, para R$ 1,75 bilhão.


Fezan® Gold

A conclusão dos Ensaios de Rede da safra 2020-21 trouxe mais uma boa notícia à Sipcam Nichino: seu fungicida Fezan® Gold se posicionou entre os produtos ‘premium’ com melhor desempenho, além de relação custo-benefício mais favorável, no controle da ferrugem, comparado a outros 13 insumos. Segundo a companhia, Fezan® Gold também se sobressaiu nas avaliações por ter sido o mais efetivo no controle da cercospora, outra doença de importância econômica para a sojicultura, na região de Mato Grosso.

Criada em 1979, a Sipcam Nichino resulta da união entre a italiana Sipcam, fundada em 1946, especialista em agroquímicos pós-patentes e a japonesa Nihon Nohyaku (Nichino). A Nichino tornou-se a primeira companhia de agroquímicos do Japão, em 1928, e desde sua chegada ao mercado atua centrada na inovação e no desenvolvimento de novas moléculas para proteção de cultivos.


Fonte: Sipcam Nichino Brasil

Posts recentes

Ver tudo

Ele chegou! A Sipcam Nichino Brasil lançou oficialmente na data 07/12/2021, o fungicida Vitene! A chegada da solução ao mercado foi anunciada em um evento online, com a participação da liderança e da