Doenças das macieiras requerem manejo preventivo

Um estudo da consultoria Fito Desenvolvimento e Produção, de São Joaquim (SC), em conjunto com a Sipcam Nichino Brasil, sobre a produção de maçãs do Brasil concluiu que essa cultura requer manejo preventivo de algumas doenças. Uma das principais doenças da maçã, a sarna-da-macieira foi alvo de um estudo, em profundidade, desenvolvido ao longo da safra 2021-22, onde a pesquisa avaliou o desempenho do fungicida de ação preventiva e de contato-erradicativa Dodex 450 SC, no controle do patógeno Venturia inadequalis, causador da sarna-da-macieira.

“Tratamentos ancorados nesse fungicida transferiram eficácia de 99% no controle da sarna-da-macieira nas folhas, e acima de 95% nos frutos da maçã. Este resultado evidencia a alta eficácia e que a molécula não tem problemas de resistência”, resume José de Freitas, engenheiro agrônomo da área de desenvolvimento de mercado da Sipcam Nichino. “A boa cobertura dos alvos é fundamental ao controle eficaz da sarna-da-macieira. Dodex® 450 SC é seguro, seletivo e pode ser aplicado mesmo no período crítico de russeting (início de desenvolvimento dos frutos)”, diz Freitas.

Para mais detalhes, acesse o link: http://www.portalmacauba.com.br/2022/05/doencas-das-macieiras-requerem-manejo.html

Posts recentes

Ver tudo